Representante de Ivinhema vence por unanimi

25/06/2011 11h26 - Atualizado em 25/06/2011 11h32

Representante de Ivinhema vence por unanimidade concurso Miss MS

Raiza Vidal, 23 anos, vai representar o estado no Miss Brasil dia 23 de julho.
Candidata de Campo Grande ficou em segundo e a de Bonito em terceiro.

Ricardo Campos Jr. Do G1 MS
Raiza Vidal, 22 anos, de Ivinhema, é eleita Miss Mato Grosso do Sul (Foto: Divulgação/organização)Raiza Vidal, 22 anos, concorreu com outras cinco representants do estado (Foto: Divulgação/organização)

Por unanimidade, os jurados elegeram a representante de Ivinhema Raiza Vidal como Miss Mato Grosso do Sul, no concurso realizado nesta sexta-feira (24) em Campo Grande. A jovem de 23 anos vai representar o estado no Miss Brasil, que está previsto para o próximo dia 23 de julho em São Paulo.
Segundo informações da organização do evento, os sete membros do júri deram notas máximas tanto no quesito beleza quando no simpatia. O evento começou por volta das 19 horas e terminou às 23. As seis candidatas desfilaram em trajes de banho, de gala e responderam às perguntas dos jurados.
Em segundo lugar, que poderá representar o estado no concurso nacional caso Raiza Vidal tenha algum imprevisto, foi a jovem de 23 anos Driely Rezende, representante da cidade de Campo Grande. A terceira colocada foi a candidata de Bonito Ana Lúcia Vargas.
Raiza Vidal (Foto: Alexis Prappas/Divulgação)Raiza Vidal recebeu notas máximas nos quesitos beleza e simpatia (Foto: Alexis Prappas/Divulgação)

Fãs sul-coreanos de Michael Jackson dançam para lembrar morte de ídolo

Categoria:
25/06/2011 07h50 - Atualizado em 25/06/2011 07h56

Fãs sul-coreanos de Michael Jackson dançam para lembrar morte de ídolo

Neste sábado (25) faz dois anos que cantor morreu.
Fãs imitaram os passos clássicos de Michael durante flash mob.

Do G1, em São Paulo
Fãs sul-coreanos de Michael Jackson dançam durante um evento de flash mob lembrando os dois anos da morte do ídolo, em Gwanghwamoon Square no centro de Seul (Foto: Reuters/Jo Yong-Hak )Neste sábado (25) faz dois anos que o ídolo Michael Jackson morreu; fãs sul-coreanos aproveitaram a data para fazer uma homenagem, em Seul (Foto: Reuters/Jo Yong-Hak) Neste sábado (25) faz dois anos que o ídolo Michael Jackson morreu; fãs sul-coreanos aproveitaram a data para fazer uma homenagem, em Seul (Foto: Reuters/Jo Yong-Hak)Fonte G1

Mistura de chihuahua, 'Yoda' vence como cão mais feio nos EUA

Categoria:
25/06/2011 11h58 - Atualizado em 25/06/2011 12h10

Mistura de chihuahua, 'Yoda' vence como cão mais feio nos EUA

Dono garantiu prêmio de US$ 1 mil em concurso na Califórnia.
'Yoda' nasceu de cruzamento entre chihuahua e cão cristado chinês.

Do G1, com AP
'Yoda' posa com troféu após sua vitória na edição de 2011 do Concurso de Cão Mais Feio do Mundo em Petaluma, na Califórnia, na sexta-feira (24). Sua raça é o resultado do cruzamento entre um chihuahua e um cão cristado chinês. Além do troféu, o cão garant (Foto: Noah Berger/AP)'Yoda' posa com troféu após sua vitória na edição de 2011 do Concurso de Cão Mais Feio do Mundo em Petaluma, na Califórnia, na sexta-feira (24). Sua raça é o resultado do cruzamento entre um chihuahua e um cão cristado chinês. Além do troféu, o cão garantiu ao dono um prêmio de US$ 1 mil e diversos produtos caninos. (Foto: Noah Berger/AP)
'Hercules', um cão da raça pug de 15 anos de idade e cego de um olho, foi um forte concorrente (Foto: Noah Berger/AP)'Hercules', um cão da raça pug de 15 anos de idade e cego de um olho, foi um forte concorrente (Foto: Noah Berger/AP)
'Hector' (dir.) e 'Icky', dois cães cristados chineses, também foram vencidos pela (falta de) beleza de 'Yoda' (Foto: Noah Berger/AP)'Hector' (dir.) e 'Icky', dois cães cristados chineses, também foram vencidos pela (falta de) beleza de 'Yoda' (Foto: Noah Berger/AP) Fonte G1

25/06/2011 10h11 - Atualizado em 25/06/2011 10h49 Vettel põe todos os rivais no retrovisor de novo e crava a pole em Valência Alemão da RBR larga na frente pela sétima vez em oito corridas neste ano, seguido por Webber e Hamilton; GP da Europa começa às 9h de domingo Por GLOBOESPORTE.COM Valência, Espanha imprimir É um espelhinho que não passa muito de 15cm de largura por 5cm de altura, mas Sebastian Vettel continua dominando a receita para colocar os outros 23 carros da Fórmula 1 ali dentro. No treino classificatório de sábado para o GP da Europa, o alemão manteve a rotina, voou com 1m36s975 e, pela sétima vez em oito corridas neste ano, vai largar olhando todos os adversários pelo pequeno retrovisor da sua RBR. A polêmica mudança nas regras de mapeamento dos motores, que em tese prejudicaria a equipe austríaca na corrida, não impediu a dobradinha no treino para compor a primeira fila. Ao lado de Vettel larga o companheiro Mark Webber, seguido pelo inglês Lewis Hamilton, da McLaren. Dono da casa, o espanhol Fernando Alonso sai em quarto com sua Ferrari, seguido pelo brasileiro Felipe Massa, que na última volta tomou a quinta posição da McLaren de Jenson Button. Rubens Barrichello, da Williams, larga na 13ª posição. Sebastian Vettel Adrian Sutil fórmula 1 F-1 Valencia (Foto: Reuters)Como de hábito, Sebastian Vettel não verá ninguém à sua frente na largada de domingo (Foto: Reuters) A corrida pelas ruas de Valência começa às 9h deste domingo, com transmissão ao vivo da TV Globo e acompanhamento em Tempo Real do GLOBOESPORTE.COM. Líder do campeonato com 161 pontos, Vettel tenta ampliar sua vantagem para o vice Jenson Button, da McLaren, que tem 101. Massa é o sexto da lista, com 32 pontos. Q1: Felipe com pneus macios A um minuto do fim do Q1, Massa chegou a ter o 17º melhor tempo, o último dos que se classificariam para o Q2. O brasileiro, no entanto, usando pneus macios, pulou para o topo da lista com 1m38s413, bem à frente dos rivais. O espanhol Jaime Alguersuari, da STR, não conseguiu avançar para a segunda fase do treino e se juntou a Heikki Kovalainen (Lotus), Jarno Trulli (Lotus), Timo Glock (MVR), Vitantonio Liuzzi (Hispania), Jerome D’Ambrosio (MRV) e Narain Karthikeyan (Hispania), sem grandes surpresas. Q2: Barrichello fica pelo caminho A 7m59 do fim do Q2, o venezuelano Pastor Maldonado viu o câmbio da sua Williams ficar travado em segunda marcha e, com o carro atravessado na pista, forçou uma bandeira vermelha. Os ficais entraram, o reboque foi acionado e, cinco minutos depois, o treino recomeçou. Àquela altura, Schumacher, Heidfeld, Sutil, Di Resta e Barrichello lutavam pelas três últimas vagas na superpole. Rubinho andava bem, mas sua esperança acabou com um erro na freada da última curva. O brasileiro ficou fora da parte final da disputa, com a 13ª posição do grid. A única surpresa ficou por conta do russo Vitaly Petrov, da Renault, que não conseguiu passar com o tempo de 1m39s068. Avançaram Vettel, Hamilton, Button, Alonso, Webber, Schumi, Rosberg, Massa, Heidfeld e um surpreendente Adrian Sutil, que levou sua Force India pela primeira vez ao grupo dos dez melhores. Q3: Vettel sobra nas ruas de Valência Alonso pulou na frente nas primeiras parciais do Q3, com 1m37s454, mas Vettel logo mostrou suas credenciais com 1m36s975, seis décimos à frente do companheiro Webber. Mesmo com quatro décimos de vantagem para Hamilton, Vettel ainda voltou à pista na parte final do treino, mas foi apenas uma formalidade. O alemão sobrou e não foi ameaçado na briga pela pole. Webber, que era apenas o quinto colocado após a primeira parte da superpole, melhorou seu tempo nos instantes finais e pulou para a segunda posição, compondo a dobradinha da RBR. Hamilton assegurou a terceira posição no grid, à frente de Alonso, e Massa ainda conseguiu roubar a posição de Button no fim para se aproximar de Alonso. Sebastian Vettel Mark Webber Lewis Hamilton fórmula 1 F-1 Valencia (Foto: Getty Images)O pole Sebastian Vettel entre Webber e Hamilton: rotina mantida no GP da Europa (Foto: Getty Images) Veja como ficou o grid de largada do GP da Europa: 1. Sebastian Vettel (ALE/RBR-Renault) - 1m36s975 2. Mark Webber (AUS/RBR-Renault) – 1m37s163 3. Lewis Hamilton (ING/McLaren-Mercedes) - 1m37s380 4. Fernando Alonso (ESP/Ferrari) - 1m37s454 5. Felipe Massa (BRA/Ferrari) - 1m37s535 6. Jenson Button (ING/McLaren-Mercedes) - 1m37s645 7. Nico Rosberg (ALE/Mercedes) - 1m38s231 8. Michael Schumacher (ALE/Mercedes) - 1m38s240 9. Nick Heidfeld (ALE/Renault-Lotus) - 1m38s781 10. Adrian Sutil (ALE/Force India-Mercedes) - 1m39s034 Eliminados na segunda parte do treino classificatório: 11. Vitaly Petrov (RUS/Renault-Lotus) - 1m39s068 12. Paul di Resta (ESC/Force India-Mercedes) - 1m39s422 13. Rubens Barrichello (BRA/Williams-Cosworth) - 1m39s489 14. Kamui Kobayashi (JAP/Sauber-Ferrari) - 1m39s525 15. Pastor Maldonado (VEN/Williams-Cosworth) - 1m39s645 16. Sergio Pérez (MEX/Sauber-Ferrari) - 1m39s657 17. Sebastien Buemi (SUI/STR-Ferrari) - 1m39s711 Eliminados na primeira parte do treino classificatório: 18. Jaime Alguersuari (ESP/STR-Ferrari) - 1m40s232 19. Heikki Kovalainen (FIN/Lotus-Renault) - 1m41s664 20. Jarno Trulli (ITA/Lotus-Renault) - 1m42s234 21. Timo Glock (ALE/MVR-Cosworth) - 1m42s553 22. Vitantonio Liuzzi (ITA/Hispania-Cosworth) - 1m43s584 23. Jerome D'Ambrosio (BEL/MVR-Cosworth) - 1m43s735 24. Narain Karthikeyan (IND/Hispania-Cosworth) - 1m44s36

25/06/2011 10h11 - Atualizado em 25/06/2011 10h49

Vettel põe todos os rivais no retrovisor de novo e crava a pole em Valência

Alemão da RBR larga na frente pela sétima vez em oito corridas neste ano, seguido por Webber e Hamilton; GP da Europa começa às 9h de domingo

Por GLOBOESPORTE.COM Valência, Espanha
É um espelhinho que não passa muito de 15cm de largura por 5cm de altura, mas Sebastian Vettel continua dominando a receita para colocar os outros 23 carros da Fórmula 1 ali dentro. No treino classificatório de sábado para o GP da Europa, o alemão manteve a rotina, voou com 1m36s975 e, pela sétima vez em oito corridas neste ano, vai largar olhando todos os adversários pelo pequeno retrovisor da sua RBR. A polêmica mudança nas regras de mapeamento dos motores, que em tese prejudicaria a equipe austríaca na corrida, não impediu a dobradinha no treino para compor a primeira fila. Ao lado de Vettel larga o companheiro Mark Webber, seguido pelo inglês Lewis Hamilton, da McLaren.
Dono da casa, o espanhol Fernando Alonso sai em quarto com sua Ferrari, seguido pelo brasileiro Felipe Massa, que na última volta tomou a quinta posição da McLaren de Jenson Button. Rubens Barrichello, da Williams, larga na 13ª posição.
Sebastian Vettel Adrian Sutil fórmula 1 F-1 Valencia (Foto: Reuters)Como de hábito, Sebastian Vettel não verá ninguém à sua frente na largada de domingo (Foto: Reuters)
A corrida pelas ruas de Valência começa às 9h deste domingo, com transmissão ao vivo da TV Globo e acompanhamento em Tempo Real do GLOBOESPORTE.COM. Líder do campeonato com 161 pontos, Vettel tenta ampliar sua vantagem para o vice Jenson Button, da McLaren, que tem 101. Massa é o sexto da lista, com 32 pontos.
Q1: Felipe com pneus macios
A um minuto do fim do Q1, Massa chegou a ter o 17º melhor tempo, o último dos que se classificariam para o Q2. O brasileiro, no entanto, usando pneus macios, pulou para o topo da lista com 1m38s413, bem à frente dos rivais. O espanhol Jaime Alguersuari, da STR, não conseguiu avançar para a segunda fase do treino e se juntou a Heikki Kovalainen (Lotus), Jarno Trulli (Lotus), Timo Glock (MVR), Vitantonio Liuzzi (Hispania), Jerome D’Ambrosio (MRV) e Narain Karthikeyan (Hispania), sem grandes surpresas.
 Q2: Barrichello fica pelo caminho
A 7m59 do fim do Q2, o venezuelano Pastor Maldonado viu o câmbio da sua Williams ficar travado em segunda marcha e, com o carro atravessado na pista, forçou uma bandeira vermelha. Os ficais entraram, o reboque foi acionado e, cinco minutos depois, o treino recomeçou.
Àquela altura, Schumacher, Heidfeld, Sutil, Di Resta e Barrichello lutavam pelas três últimas vagas na superpole. Rubinho andava bem, mas sua esperança acabou com um erro na freada da última curva. O brasileiro ficou fora da parte final da disputa, com a 13ª posição do grid. A única surpresa ficou por conta do russo Vitaly Petrov, da Renault, que não conseguiu passar com o tempo de 1m39s068. Avançaram Vettel, Hamilton, Button, Alonso, Webber, Schumi, Rosberg, Massa, Heidfeld e um surpreendente Adrian Sutil, que levou sua Force India pela primeira vez ao grupo dos dez melhores.
Q3: Vettel sobra nas ruas de Valência
Alonso pulou na frente nas primeiras parciais do Q3, com 1m37s454, mas Vettel logo mostrou suas credenciais com 1m36s975, seis décimos à frente do companheiro Webber. Mesmo com quatro décimos de vantagem para Hamilton, Vettel ainda voltou à pista na parte final do treino, mas foi apenas uma formalidade. O alemão sobrou e não foi ameaçado na briga pela pole.
Webber, que era apenas o quinto colocado após a primeira parte da superpole, melhorou seu tempo nos instantes finais e pulou para a segunda posição, compondo a dobradinha da RBR. Hamilton assegurou a terceira posição no grid, à frente de Alonso, e Massa ainda conseguiu roubar a posição de Button no fim para se aproximar de Alonso.
Sebastian Vettel Mark Webber Lewis Hamilton fórmula 1 F-1 Valencia (Foto: Getty Images)O pole Sebastian Vettel entre Webber e Hamilton: rotina mantida no GP da Europa (Foto: Getty Images)
Veja como ficou o grid de largada do GP da Europa:
1. Sebastian Vettel (ALE/RBR-Renault) - 1m36s975
2. Mark Webber (AUS/RBR-Renault) – 1m37s163
3. Lewis Hamilton (ING/McLaren-Mercedes) - 1m37s380
4. Fernando Alonso (ESP/Ferrari) - 1m37s454
5. Felipe Massa (BRA/Ferrari) - 1m37s535
6. Jenson Button (ING/McLaren-Mercedes) - 1m37s645
7. Nico Rosberg (ALE/Mercedes) - 1m38s231
8. Michael Schumacher (ALE/Mercedes) - 1m38s240
9. Nick Heidfeld (ALE/Renault-Lotus) - 1m38s781
10. Adrian Sutil (ALE/Force India-Mercedes) - 1m39s034
Eliminados na segunda parte do treino classificatório:
11. Vitaly Petrov (RUS/Renault-Lotus) - 1m39s068
12. Paul di Resta (ESC/Force India-Mercedes) - 1m39s422
13. Rubens Barrichello (BRA/Williams-Cosworth) - 1m39s489
14. Kamui Kobayashi (JAP/Sauber-Ferrari) - 1m39s525
15. Pastor Maldonado (VEN/Williams-Cosworth) - 1m39s645
16. Sergio Pérez (MEX/Sauber-Ferrari) - 1m39s657
17. Sebastien Buemi (SUI/STR-Ferrari) - 1m39s711
Eliminados na primeira parte do treino classificatório:
18. Jaime Alguersuari (ESP/STR-Ferrari) - 1m40s232
19. Heikki Kovalainen (FIN/Lotus-Renault) - 1m41s664
20. Jarno Trulli (ITA/Lotus-Renault) - 1m42s234
21. Timo Glock (ALE/MVR-Cosworth) - 1m42s553
22. Vitantonio Liuzzi (ITA/Hispania-Cosworth) - 1m43s584
23. Jerome D'Ambrosio (BEL/MVR-Cosworth) - 1m43s735
24. Narain Karthikeyan (IND/Hispania-Cosworth) - 1m44s36 Fonte Globo Esportes

U2 pode enfrentar protestos na estreia em Glastonbury

Reuters 24/06/2011 12h44 - Atualizado em 24/06/2011 13h08

U2 pode enfrentar protestos na estreia em Glastonbury

Grupo critica Bono por ter transferido operações financeiras para a Holanda.
Festival começa nesta sexta, com Morrissey, Wu-Tang Clan, entre outros.

Da Reuters
A banda de rock irlandesa U2 enfrenta a perspectiva de pequenos protestos enquanto se prepara para fazer sua estreia nesta sexta-feira (24) em Glastonbury, um dos maiores festivais de música do mundo.
Público aguarda o início do festival Glastonbury nesta sexta-feira (24).  (Foto: Reuters)Público aguarda o início do festival Glastonbury nesta sexta-feira (24). (Foto: Reuters)
Dezenas de milhares de fãs já chegaram ao local do evento, uma fazenda leiteira no pitoresco sudoeste da Inglaterra, enfrentando campos recobertos de lama devido às chuvas recentes para terem um encontro com seus artistas favoritos em dezenas de palcos.
O foco principal da atenção será a apresentação do U2 no palco Pyramid, construído na parte inferior de uma encosta gramada com lugar para mais de 100 mil pessoas em pé, dançando, cantando ou vaiando.
A banda se encontra na metade de uma turnê mundial que vem quebrando recordes, mas tem pouca experiência de tocar em festivais nos quais o público vem para assistir não apenas a ela.
O baterista Larry Mullen Jr. admitiu que a banda estará fora de sua zona de conforto. "Apesar de tudo, temos algo a provar, e diz respeito às canções", disse ele em entrevista recente. "Diz respeito a uma banda poder se apresentar e tocar sua música, mesmo que não haja necessariamente efeitos especiais. Esse é um desafio para nós, e temos algo a provar".
O U2 estava previsto para apresentar-se em Glastonbury em 2010, mas teve que cancelar o show quando seu vocalista, Bono, machucou as costas.
Bono durante show do U2 em São Paulo (Foto: Flavio Moraes/G1)Bono e The Edge durante show do U2 em SP.
(Foto: Flavio Moraes/G1)
ProstestoA banda talvez tenha consciência também de uma campanha lançada por um pequeno grupo de pressão chamado Art Uncut que quer chamar a atenção para a decisão tomada pelo U2 alguns atrás de transferir algumas de suas operações da Irlanda para a Holanda, para finalidades de impostos.
Críticos dizem que Bono, importante ativista contra a pobreza no mundo, deveria se dispor a pagar impostos plenos em seu próprio país, principalmente agora, quando a Irlanda enfrenta sérias dificuldades financeiras.
Em fóruns online, outros argumentam que a banda tem o direito de pagar impostos legalmente onde quiser e que Bono trabalha mais que a maioria dos roqueiros para chamar a atenção para problemas globais importantes como a pobreza e as doenças.
Antes da apresentação do U2, nesta sexta, se apresentam B.B.King, Morrissey, Wu-Tang Clan,  Two Door Cinema Club, entre outros.
As outras atrações principais do festival serão o Coldplay, no sábado (25), e Beyonce, que fará o show de encerramento, no domingo (26), seguindo o caminho trilhado por seu marido, Jay-Z, que conquistou fãs em Glastonbury com uma apresentação instigante em 2008.
Os visitantes dispõem de inúmeras opções de entretenimento, com centenas de bandas se apresentando em vários palcos espalhados pelo local de 364 hectares.Fonte G1

Serena Williams precisa mais uma vez de três sets para avançar em Wimbledon

Categoria:
uinta-feira, 23 de junho de 2011 - 13h08       Última atualização, 23/06/2011 - 13h15

Serena Williams precisa mais uma vez de três sets para avançar em Wimbledon

Foto: Carl de Souza/AFP Zoom Serena Williams conseguiu se recuperar após perder o primeiro set para a romena Halep Serena Williams conseguiu se recuperar após perder o primeiro set para a romena Halep

Da Redação

esporte@eband.com.br

Foi quase um ano afastada do circuito, e parece que Serena Williams ainda está se reacostumando. A atual campeã de Wimbledon venceu mais uma e segue viva no torneio, mas teve que suar para conseguir a vaga na terceira fase.

A americana saiu atrás da romena Simona Halep, número 57 do mundo, mas depois dominou os dois sets seguintes, sacramentando a virada por 2 sets a 1, com parciais de 3/6, 6/2 e 6/1. A irmã mais nova das Williams já tinha precisado de três sets para vencer Aravane Rezai na estreia.

Na próxima fase, Serena vai encarar a russa Maria Kirilenko, que venceu a tailandesa Tamarine Tanasugarn.

Ivanovic e Schiavone também vencem

Nas outras partidas da manhã em Londres, a sérvia Ana Ivanovic não teve dificuldades contra a grega Eleni Daniilidou, vencendo por 2 sets a 0 (6/3 e 6/0), em apenas 56 minutos de partida. A sua próxima adversária será a vencedora do confronto entre Petra Cetkovska e a polonesa Agnieska Radwanska.

A italiana Francesca Schiavone também venceu em sets diretos a tcheca Barbora Zahlavova-Strycova, com parciais de 7/5 e 6/3. Na terceira rodada a vice-campeã em Roland Garros vai enfrentar a austríaca Tamira Paszek, que eliminou a americana Christina McHale.

Redação: Renan Falcão Fonte Eband

Envergonhado com briga, presidente do Peñarol exalta Neymar: "É de outra galáxia

Categoria:
uinta-feira, 23 de junho de 2011 - 00h38       Última atualização, 23/06/2011 - 00h41

Envergonhado com briga, presidente do Peñarol exalta Neymar: "É de outra galáxia"

Foto: Nelson Almeida/AFP Zoom Damiani (à esq.) cumprimenta o presidente do Santos, Luis Álvaro Damiani (à esq.) cumprimenta o presidente do Santos, Luis Álvaro

Da Redação, com Rádio Bandeirantes

esporte@eband.com.br

A briga entre os jogadores ao fim do jogo entre Santos e Peñarol, que deu o tricampeonato da Libertadores ao Peixe, deixou envergonhado o presidente do clube uruguaio, Juan Pedro Damiani. Após a partida desta quarta, o dirigente, em uma postura bem diferente dos atletas em campo, foi educado e elogiou Neymar.

“É preciso saber perder e saber ganhar. Temos que seguir trabalhando até os últimos dias, até os últimos segundos, como foi na Libertadores”, disse Damiani, que achou o resultado justo. O motivo: a atuação de Neymar.

“(O Santos) É uma grande equipe e Neymar é excepcional, fez a diferença. Há bons jogadores, mas Neymar é de outra galáxia, que deve competir ao nível de Messi”, concluiu.
     



Fonte Eband





Mundial de Clubes volta ao Japão de olho no duelo entre Neymar e Messi

23/06/2011 09h08 - Atualizado em 23/06/2011 11h47

Mundial de Clubes volta ao Japão de olho no duelo entre Neymar e Messi

Após dois anos nos Emirados Árabes, torneio da Fifa terá novamente final
em Yokohama em dezembro de 2011. Mas Tóquio está fora da competição

Por Thiago Barros Rio de Janeiro
Se um novo Mazembe não atrapalhar o roteiro perfeito, o Mundial de Clubes da Fifa deste ano poderá colocar frente a frente dois dos melhores jogadores do planeta em dezembro: Neymar x Messi. O duelo entre Santos, campeão da Taça Libertadores da América, e Barcelona, vencedor da Liga dos Campões da Europa, seria a final perfeita para o retorno do torneio ao Japão depois de dois anos sendo disputado nos Emirados Árabes Unidos. Mas o famoso "projeto Tóquio" dos brasileiros ficará de lado agora: pela primeira vez, a capital não receberá partidas da competição no país.
O Mundial será disputado de 8 a 18 de dezembro e ainda tem três participantes a definir. Além de Santos e Barça, o Monterrey (México), campeão da Concacaf (Américas do Norte e Central), e o Auckland City (Nova Zelândia), vencedor da Liga da Oceania, já estão com o passaporte carimbado para a competição. Este será o terceiro Mundial do Santos, que ganhou os outros dois que disputou, e o quarto do Barcelona, que tem só um título. O torneio é ainda o primeiro de Neymar, que espera manter os 100% de aproveitamento do Santos nas disputas, e o terceiro de Messi, campeão em 2009, que pode ajudar o Barça a acabar com o estigma de amarelar nas finais de Mundial. Promete...
– Tem tudo para ser um jogo histórico e coroar a volta do Mundial ao Japão. Tomara que ocorra. A Fifa se preocupou muito em escolher a sede para essa competição, fizemos uma avaliação cautelosa do país, com o próprio presidente indo ao Japão para avaliar se havia condições de realizar o campeonato e constatou que tem tudo para dar certo. Será também um prêmio aos japoneses, após tanto sofrimento, poderem provar que deram a volta por cima (por conta dos terremotos e tsunamis), fazer uma ótima organização e ainda assistirem a este jogo que todos estão esperando – avaliou Marcelo Teixeira, ex-presidente do Santos e integrante da comissão formada para organizar o Mundial.
MONTAGEM - Neymar Santos e Messi Barcelona (Foto: Ricardo Saibun / Site Oficial do Santos e Agência Reuters)Santos de Neymar x Barcelona de Messi: jogo do ano? (Foto: Ricardo Saibun / Site do Santos e Reuters)
O duelo é visto pelos admiradores do futebol como um prêmio ao estilo de jogo ofensivo e uma prova de que, após tantos anos com vitórias de equipes "que jogam pelo resultado", mesmo com lances feios e vencendo apenas por 1 a 0, é possível resgatar o futebol-arte. Tem tudo para ser um confronto histórico, entre equipes de tradição e que têm nas categorias de base a principal arma para o sucesso.
– O Santos preparou essas gerações que vêm surgindo e fico feliz de ter feito esse investimento na estrutura da base na minha gestão. Hoje, vejo que a torcida entre os jovens cresceu muito e que o Santos não é mais apenas o Santos de Pelé, mas também de Robinho, de Neymar... Nós temos um trabalho diferenciado aqui. Colocamos meninos mais novos para jogar com os mais velhos, para eles já se acostumarem ao profissional. A maioria dos clubes do Brasil faz o inverso. O Barcelona também tem essa característica, tem muitos jogadores da base no time principal, mas o craque deles, o Messi, é argentino. Os nossos são daqui mesmo (risos) – disse Teixeira.
Na estrutura, tudo pronto para receber os craques
O Mundial de Clubes deste ano tem algumas curiosidades. Após dois anos sendo jogado nos Emirados Árabes, o campeonato volta para o Japão, país tradicional nas disputas dos títulos intercontinentais. No entanto, sem a cidade de Tóquio, famosa no Brasil justamente por sediar boa parte destas partidas, especialmente antes de a Fifa começar a organizar o torneio. Por medidas de segurança, os jogos serão apenas em Toyota e Yokohama.
Marcelo Teixeira ex-presidente do Santos (Foto: Globoesporte.com)Marcelo Teixeira, ex-presidente do Santos, está
na comissão do Mundial (Foto: Globoesporte.com)
– Agora os torcedores vão ter de falar "Rumo a Yokohama" (risos). Tomamos essa decisão baseado na avaliação que foi feita sobre o país e sobre a situação de cada cidade. Toyota e Yokohama quase não foram atingidas com os problemas que houve no país, e por isso acreditamos que tudo dará certo. A expectativa é enorme e sabemos que o povo japonês também está engajado para fazer uma grande festa. A organização deles sempre é muito boa e temos certeza de que a competição vai ser bem sucedida – explicou Teixeira, lembrando que a segurança foi uma das principais preocupações da Fifa, que já havia escolhido o Japão como sede antes dos terremotos que assustaram o país neste ano e ratificou a decisão após uma avaliação da situação do país.
– No ano passado, a comissão, mais uma vez, abriu a possibilidade de novas concessões para realizar este campeonato e acabamos entendendo que o Japão era o que, mais uma vez, merecia pelo que estava apresentando. O país venceu quando ainda não havia ocorrido as tragédias, então, neste ano, o próprio presidente Blatter fez questão de ir ao Japão para se reunir com as autoridades e se certificar de que não haverá nenhum tipo de problema.
estádio de Yokohama no Japão (Foto: Getty Images)Estádio de Yokohama no Japão: o palco do possível duelo Neymar x Messi (Foto: Getty Images)
As datas da edição 2011 da competição também já estão definidas. O Santos estreia no dia 14 de dezembro, em Toyota, enquanto o Barça joga em Yokohama, no dia 15. A premiação é a mesma do ano passado. A Fifa dará US$ 16,5 milhões (R$ 26,4 milhões) aos participantes. O vencedor leva US$ 5 milhões (R$ 8 milhões). Fonte Globo Esport
ublicado em 22/06/2011 às 20h35:

Luxemburgo testa Flamengo com três zagueiros

Ronaldo Angelim ganha chance na defesa, com Luiz Antonio no meio-campo
Agência Estado
Mauricio Val/VipcommMauricio Val/Vipcomm
Ronaldo Angelim volta a ganhar uma chance entre os titulares do Flamengo
Publicidade <A TARGET="_blank" HREF="http://ad-emea.doubleclick.net/activity;src%3D3011160%3Bmet%3D1%3Bv%3D1%3Bpid%3D62467088%3Baid%3D239636684%3Bko%3D0%3Bcid%3D41564519%3Brid%3D41582306%3Brv%3D2%3Bcs%3Do%3Beid1%3D487262%3Becn1%3D1%3Betm1%3D0%3B_dc_redir%3Durl%3fhttp://ad-emea.doubleclick.net/click%3Bh%3Dv8/3b2f/7/88/%2a/k%3B239636684%3B2-0%3B0%3B62467088%3B4307-300/250%3B41564519/41582306/2%3B%3B%7Esscs%3D%3fhttp://mfp1.adnetwork.com.br/mfp/adnetwork/maestro/rm/$d=428$u=3398006847082372050$t=1$s=84$b=73408$cr=21415$f=16841$c=0$n=505205485$ct=http://"> <IMG SRC="http://s0.2mdn.net/3011160/PID_1589693_10_2_Google_Retangulo_GoogleChrome_300x250_temas_embrulho.gif" width="300" height="250" BORDER="0" alt=""> </A> <IMG SRC="http://ad-emea.doubleclick.net/activity;src=3011160;met=1;v=1;pid=62467088;aid=239636684;ko=0;cid=41564519;rid=41582306;rv=2;&timestamp=881859;eid1=9;ecn1=1;etm1=0;" width="0px" height="0px" style="visibility:hidden" BORDER="0"/> <IMG SRC="" width="0px" height="0px" style="visibility:hidden" BORDER="0"/> <IMG SRC="" width="0px" height="0px" style="visibility:hidden" BORDER="0"/> <A HREF="http://mfp1.adnetwork.com.br/mfp/adnetwork/maestro/rm/$d=428$u=3398006847082372050$t=1$s=84$b=73408$cr=21415$f=16841$c=0$n=505205485$ct=http://ad-emea.doubleclick.net/jump/N5295.281614.R7/B5213491.2;sz=300x250;ord=505205485?"><IMG SRC="http://ad-emea.doubleclick.net/ad/N5295.281614.R7/B5213491.2;sz=300x250;ord=505205485?" BORDER=0 WIDTH=300 HEIGHT=250 ALT="Advertisement"></A>
A má fase do Flamengo no Campeonato Brasileiro, com quatro empates em sequência, fez com que o técnico Vanderlei Luxemburgo mudasse a equipe no treino desta quarta-feira (22), no CT Ninho do Urubu. O comandante testou o time com três zagueiros: Welinton, David e Ronaldo Angelim.
Leia mais notícias sobre o Flamengo
Por conta das suspensões de Botinelli e Willians, outras duas modificações foram necessárias. Luiz Antonio entrou no meio-campo, ao lado de Renato e Thiago Neves, e Ronaldinho Gaúcho ganhou a companhia de Wanderley no ataque.
Assim, o time treinou com Felipe; Welinton, David e Ronaldo Angelim; Léo Moura, Luiz Antonio, Renato, Thiago Neves e Junior Cesar; Ronaldinho e Wanderley.
Veja a classificação do Brasileiro
Luxemburgo, porém, tem mais dois dias para testes, já que o Flamengo só volta a jogar no sábado (25), contra o Atlético-MG, no Engenhão, às 18h30. A equipe é a décima do Brasileiro, com sete pontos.
Mais cedo, o Flamengo confirmou o pagamento pelo empréstimo de Aírton, do Benfica (POR), que deve ser apresentado na segunda-feira (27). O jogador resolve problemas particulares em Portugal.
Além disso, o clube anunciou a saída do lateral-esquerdo Egídio, que perdeu espaço com a chegada de Junior César, e vai ficar no Ceará, por empréstimo, até o final do ano Fonte R7.COM

Ronaldinho já dá sinais de desânimo no Flamengo

publicado em 23/06/2011 às 06h00:

Ronaldinho já dá sinais de desânimo no Flamengo

Astro tem sido cobrado pela torcida e também pelos dirigentes rubro-negros
Do R7
Mauricio Val/VipcommMauricio Val/Vipcomm
Ronaldinho Gaúcho tem treinado sem brincadeiras no Flamengo
Publicidade&lt;script language="JavaScript" type="text/javascript"&gt;document.write('&lt;a href="http://mfp1.adnetwork.com.br/mfp/adnetwork/maestro/rm/$d=428$u=3398006847082372050$t=1$s=165$b=73699$cr=21639$f=16892$c=0$n=533803631$ct=http://clk.atdmt.com/QZ1/go/332495232/direct/01/" target="_blank"&gt;&lt;img src="http://view.atdmt.com/QZ1/view/332495232/direct/01/533803631"/&gt;&lt;/a&gt;');&lt;/script&gt;&lt;noscript&gt;&lt;a href="http://mfp1.adnetwork.com.br/mfp/adnetwork/maestro/rm/$d=428$u=3398006847082372050$t=1$s=165$b=73699$cr=21639$f=16892$c=0$n=533803631$ct=http://clk.atdmt.com/QZ1/go/332495232/direct/01/" target="_blank"&gt;&lt;img border="0" src="http://view.atdmt.com/QZ1/view/332495232/direct/01/533803631" /&gt;&lt;/a&gt;&lt;/noscript&gt;
“Agora eu sou mengão”. Com essas palavras Ronaldinho Gaúcho retribuiu todo o carinho recebido na sua apoteótica apresentação no Flamengo, em meados de janeiro. Cinco meses depois, a empolgação da torcida e diretoria tem dado lugar às cobranças, que refletem na mudança de fisionomia do astro.
Renato é cobrado pelo pai
Ao ser vaiado pela torcida no empate sem gols com o Botafogo, Ronaldinho Gaúcho sentiu pela primeira vez a ira do torcedor, aborrecido com o apagado desempenho e com as inúmeras notícias sobre suas atuações nas noites cariocas.
A consequência veio no começo dessa semana. Na terça-feira (21), a torcida foi ao treino protestar contra o time, tendo o camisa 10 como principal alvo. O jogador sentiu o golpe e, já na última quarta-feira (22), demonstrou drástica mudança de comportamento no treino.
Veja a classificação do Brasileiro
O farto sorriso deu lugar à uma fisionomia fechada, abatida. As costumeiras brincadeiras não ocorreram e Ronaldinho limitou-se a cumprir sem empolgação as tarefas físicas das atividades no CT Ninho do Urubu. O meia Renato comentou a mudança de atitude.
- Sobre ele [Ronaldinho] eu só posso dizer que se cobra muito no dia a dia, nos treinos. Ele procura dar o máximo, sempre nos ajudando. Não só ele, como todos nós estamos insatisfeitos com os resultados. Ele veio de clubes grandes e está acostumado. Aqui não é a seleção, mas é como se fosse.
Além de ter sido vaiado pela torcida, o atleta também virou alvo da diretoria, que procurou o irmão e empresário do jogador, Assis. No papo, foi aconselhado que o caçula fosse com menos sede ao pote na noite carioca.
De quebra, os dirigentes também demonstram insatisfação por não terem conseguido fechar, até hoje, com um patrocinador master para a camisa. Na Gávea, já se trabalha com a possibilidade de começar a se negociar contratos para o ano que vem, o que deixaria a temporada perdida neste sentido.
A culpa, nesse caso, não é de Ronaldinho, já que a diretoria, que tem a Traffic como parceira na empreitada, se mostrou prepotente ao começar a procurar, apenas no fim de janeiro, futuros parceiros. A essa altura, as grandes empresas já tinham seus orçamentos anuais comprometidos.
Veja as respostas do Quiz Fonte R7.com

Presidente do Santos 'convoca' Zé Roberto para negociações

02/06/2011 20h40 - Atualizado em 02/06/2011 20h40

Presidente do Santos 'convoca' Zé Roberto para negociações

Mandatário afirma que ainda não encontrou o jogador para acertar contrato e se mostra disposto a negociar

Por Marcos Guerra São Paulo
ze roberto hamburgo (Foto: EFE)Zé Roberto é desejo do Santos (Foto: EFE)
O presidente do Santos, Luis Alvaro de Oliveira Ribeiro, deu uma pausa no clima da final da Libertadores e falou sobre reforços para a disputa do Brasileirão. Desde a semana passada, o mandatário já havia manifestado o desejo de contar com o meia Zé Roberto, que se desligou do Hamburgo após a disputa do Campeonato Alemão. Desde o ano passado, o jogador também se mostrou favorável a um acerto com o clube praiano, mas ainda não foi encontrado.
- O Zé Roberto não foi localizado. Eu queria ter tempo para conversar com ele. O Zé já tinha me dito, desde o ano passado, que queria jogar no Brasil e pelo Santos – disse o presidente, nesta quinta-feira.
O meia teve passagem pelo Santos entre 2006 e 2007. A ideia de Zé Roberto é ter um contrato mais longo, de dois anos. Assim, ele encerraria sua carreira atuando na Vila Belmiro. O mandatário alvinegro não somente está disposto a negociar, como convoca o jogador para as discussões contratuais.
- Zé Roberto, se estiver vendo isso, saiba que estamos prontos para negociar – reforçou Luis Alvaro, mandando um recado.
Alex Silva
O zagueiro, que foi liberado pelo São Paulo, foi especulado como reforço do Santos. O presidente alvinegro, porém, negou que esteja negociando com o defensor. Em sua rescisão com o Tricolor, Alex Silva tem uma cláusula que o impede de ser contratado por Santos, Corinthians ou Palmeiras até o dia 31 de julho.FonteGlobo Esport

Novo Face

diobiajos@hotmail.com